Estão a brincar com o país

Mais de 700 mil pessoas estão sem trabalho. Mais alguns milhares na precariedade outras ainda que que vivem na mais absoluta pobreza. Não há soluções milagrosas para este problemas a não ser muito trabalho e lideranças credíveis. Enquanto o país atravessa este abismo, uma parte da direita está a entretida com a revisão constitucional, uma parte da esquerda aproveita e entra no entretimento à volta da revisão constitucional. Temos ainda uma outra parte ( significativa) que fica entretida com o episódio do Federação de Futebol que, pelos vistos, quer alugar o José Mourinho.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Cabo Verde, um percurso de esperança

Slow Ferry e o enguiço do Estado

Fine coliving in the Azores